4-0-3
 
 
Página Inicial  

Pesquisar pelo Site:

Oriente-se
Empresas
Imóveis
Turismo
 
 



 

Na contramão da crise, BB Consórcios aumenta suas vendas e cria aplicativos exclusivos

por Vicente Teixeira



Entrevista com Alexandre Luís dos Santos, diretor-presidente da BB Consórcios

“Em comparação ao mesmo período de 2017, o segmento que apresentou maior crescimento em volume foi o de motocicletas. Em termos percentuais, trata-se de um aumento de 268,4%”.

“Acredito que o consumidor está mais consciente da importância da educação financeira e o crescimento do consórcio é a prova de que as pessoas estão entendendo como é importante adquirir bens de forma planejada e com parcelas que caibam no bolso”.

“O Consórcio Banco do Brasil teve, no último ano, seus negócios ampliados, aumento de contemplações e de vendas. Isso se deu por meio de investimentos em melhorias no produto e tecnologias para aprimorar a experiência do cliente”, salienta o diretor-presidente da BB Consórcios, Alexandre Luís dos Santos

Ele explica que a crise econômica e o desemprego não reduziram os negócios. “Na realidade, o consórcio do BB está na contramão desse cenário. Por ser uma forma mais barata de aquisição de bens e serviços, sem juros e IOF, com parcelas menores que o financiamento tradicional”.

Entre as novidades promovidas no negócio, Santos destaca que o Banco do Brasil é o primeiro e único banco a possuir as funcionalidades do Consórcio no mobile (App do BB no celular). Com esse aplicativo, o cliente pode contratar sua cota e acompanhar todos aspectos e detalhes do seu consórcio. Em 2018, ocorreu a ampliação da contratação no APP BB para clientes Pessoa Jurídica.

Santos sublinha que o Banco Central, o BB Consórcio possui o menor índice de inadimplência entre as instituições financeiras do mercado. Acompanhe a íntegra da sua entrevista concedida ao Vida Econômica na série com as empresas do setor.

1 - Para começar, quando o Banco do Brasil começou a atuar na área de consórcios e qual o balanço que faz do segmento como um todo nos últimos anos?

O Banco do Brasil começou a atuar na área de consórcios em 2004, completando 14 anos agora em 2018. O balanço é muito positivo, pois as pessoas estão aprendendo a se programar para adquirir um bem ou serviço de forma consciente, percebendo o consórcio como compra colaborativa e consciente, sem comprometer a renda familiar.

2 - A grave crise econômica em curso e o desemprego reduziram os negócios e elevaram a inadimplência dos grupos de consórcio?

A crise econômica e o desemprego não reduziram os negócios. Na realidade, o consórcio do BB está na contramão desse cenário. Por ser uma forma mais barata de aquisição de bens e serviços, sem juros e IOF, com parcelas menores que o financiamento tradicional, o produto teve crescimento no último ano, mesmo em um cenário econômico adverso. Segundo o ranking divulgado pelo Banco Central, o BB Consórcio possui o menor índice de inadimplência entre as instituições financeiras do mercado.

3 - Nesse cenário, o que o Consórcio Banco do Brasil realizou de novo aos seus consorciados em 2017?

O Consórcio Banco do Brasil teve, no último ano, seus negócios ampliados, aumento de contemplações e de vendas. Isso se deu por meio de investimentos em melhorias no produto e tecnologias para aprimorar a experiência do cliente.
O Banco do Brasil é o primeiro e único banco a possuir as funcionalidades do Consórcio no mobile (App do BB no celular). Diretamente no aplicativo, o cliente pode contratar sua cota, simular, confirmar contemplação, consultar calendário de assembleias, suspender, consultar valores a devolver, alterar agência e conta de débito, entre outras funcionalidades.

Outra novidade, já no início de 2018, foi a ampliação da contratação no App BB para clientes Pessoa Jurídica. As empresas que possuem conta no Banco do Brasil podem, da mesma forma, simular e contratar o consórcio diretamente no celular com toda comodidade que o serviço oferece.

4 - Existe diferença nas condições da compra do consórcio entre o cliente do Banco do Brasil e o que não é correntista?

O consórcio do Banco do Brasil é o mesmo, o que difere são os variados canais de contratação. Tanto o correntista como o não correntista tem o apoio pós-venda nas redes de agência do Banco do Brasil e estão aptos para a contratação do mesmo produto.

5 - Quais os segmentos de consórcio que o Banco do Brasil atua?

O Consórcio do Banco do Brasil atua com todos os segmentos do mercado, quais sejam: Automóveis, Motocicletas, Imóveis e Terrenos, Trator e Caminhão, Serviços, Outros Bens Móveis e Eletro, Economia Verde – Bens e Serviços.

6 - Desses segmentos, qual tem mais crescido? Quanto isso representa em termos percentuais?
Em comparação ao mesmo período de 2017, o segmento que apresentou maior crescimento em volume foi o de motocicletas. Em termos percentuais, trata-se de um aumento de 268,4%.

7 - Quantos grupos de consórcios existem atualmente? Como eles funcionam?

Atualmente, existem 236 grupos de consórcio ativos, com 600 mil cotas ativas, que são distribuídos entre os diversos segmentos existentes. Cada grupo possui um número de participantes distintos que dão lances e são contemplados entre eles. Os clientes concorrem automaticamente a um sorteio por mês, o que neste caso, elimina a necessidade do lance. Ou seja, o sorteio e o lance são as formas de obter a carta de crédito, e a média mensal de contemplações é de 10 mil clientes.

8 - Na sua avaliação, o consumidor hoje está mais consciente da importância da educação financeira no planejamento das suas finanças pessoais?

Acredito que o consumidor está mais consciente da importância da educação financeira e o crescimento do consórcio é a prova de que as pessoas estão entendendo como é importante adquirir bens de forma planejada e com parcelas que caibam no bolso. A compra colaborativa e o consumo planejado são alternativas eficazes para quem planeja suas finanças pessoais.

9 - Nesse sentido, consórcio tem sido beneficiado com a evolução da mudança no comportamento do consumidor?

Sim. Muitos consumidores começaram a enxergar no consórcio a solução para realização dos seus sonhos, seja com produtos ou serviços. O consórcio é um produto muito flexível, que possui parcelas mais baixas que um financiamento comum. Se o cliente calcular os custos da operação, verá que o planejamento de aquisição através do consórcio é mais vantajoso e eficaz.

O Consórcio é muito abrangente, pouquíssimos produtos ou serviços não podem ser adquiridos pelo consórcio. E não importa qual seja o tamanho do sonho daquele cliente, com o BB Consórcio é possível realizá-lo.





08.05.18 14:25

Outras Notícias:  
25.09.18 01:25 Ibope: Bolsonaro tem 28%, Haddad, 22%; Ciro, ...
24.09.18 10:48 Mercado financeiro aumenta estimativa de infl...
24.09.18 10:42 Caixa começa a cobrar juros menores para fina...
24.09.18 10:27 Gasolina e etanol registram alta na semana, s...
20.09.18 11:13 Datafolha: Bolsonaro tem 28% das intenções de...
19.09.18 18:45 BC mantém juros básicos em 6,5% ao ano pela q...
19.09.18 17:28 FGV: economia brasileira recuou 0,5% no trime...
19.09.18 09:49 Ibope: Bolsonaro tem 28%; Haddad, 19% e Ciro, 11%
18.09.18 12:23 Copom iniciou reunião para definir taxa básica de juros
18.09.18 12:19 Intenção de investimentos da indústria recua ...
 
Anterior [1/1100] Próximo
Copyright © Vida Econômica - É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Power by Sistema agencianaweb.com.br