4-0-3
 
 
Página Inicial  

Pesquisar pelo Site:

Oriente-se
Empresas
Imóveis
Turismo
 
 



 

BC alerta que manutenção da Selic e inflação dependem de reformas



A inflação baixa e os juros básicos, taxa Selic, no menor nível histórico, relevantes para o crescimento da economia, só vão se manter no médio e longo prazo se forem aprovadas reformas como a da Previdência. O alerta é do presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

“De março para cá, houve uma resiliência das nossas instituições, das nossas expectativas, de forma que foi possível manter a taxa de juros em 6,5% ao ano, apesar da volatilidade e o ambiente mais desafiador para as economias emergentes [como o Brasil]”, disse.

“Esses resultados, ligados à inflação baixa, juros na mínima histórica, relevantes para o crescimento, só vão poder se manter no médio e longo prazo desde que a gente se mantenha no processo de aprovação de reformas, notadamente as de natureza fiscal e ajustes na economia brasileira”, disse.

Kelly Oliveira
Agência Brasil

06.12.18 12:00

Outras Notícias:  
13.12.18 17:47 Governo libera 100% de capital estrangeiro na...
13.12.18 17:43 CNI/Ibope: para 75% dos brasileiros, Bolsonar...
12.12.18 20:56 Copom mantém Selic em 6,5% ao ano pela sexta vez seguida
12.12.18 10:08 Inadimplência do consumidor cresce 6,03% em novembro
12.12.18 10:00 Moro: Congresso e Executivo não foram audacio...
10.12.18 19:26 Em diplomação, Bolsonaro pede confiança daque...
10.12.18 11:03 Mercado reduz estimativa de inflação pela sétima vez
10.12.18 10:58 Copom realiza última reunião do ano, com expe...
10.12.18 10:53 Ex-secretário de Alckmin será o ministro do Meio Ambiente
08.12.18 20:42 “Ninguém recebe ou dá dinheiro sujo com chequ...
 
Anterior [1/1114] Próximo
Copyright © Vida Econômica - É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Power by Sistema agencianaweb.com.br