4-0-3
 
 
Página Inicial  

Pesquisar pelo Site:

Oriente-se
Empresas
Imóveis
Turismo
 
 



 

Temor de recessão global faz dólar fechar acima de R$ 4



Bolsa de São Paulo caiu quase 3% em dia tenso

As divulgações de dados econômicos ruins na China e na Alemanha provocaram turbulências nos mercados financeiros de todo o planeta. No Brasil, o dólar comercial fechou acima de R$ 4 pela primeira vez desde maio, e a bolsa de valores chegou a ficar abaixo dos 100 mil pontos em alguns momentos do dia.

A moeda norte-americana encerrou esta terça-feira (14) vendida a R$ 4,04, com alta de R$ 0,074 (1,86%) em apenas um dia. Na maior cotação desde 23 de maio (R$ 4,047), a divisa acumula valorização de 5,83% em agosto.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3 (antiga Bolsa de Valores de São Paulo), fechou o dia com queda de 2,94%, aos 100.258 pontos. Por volta das 16h, o indicador chegou a ficar abaixo da barreira de 100 mil pontos, mas o ritmo de queda estabilizou-se nos minutos finais de negociação.

Mercados

Os mercados financeiros globais registraram fortes movimentos de fuga após a divulgação de que o Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas) na Alemanha recuou 0,1% no segundo trimestre em relação ao trimestre anterior. Os dados indicam que a maior economia da Europa está à beira da recessão.

Na China, segunda maior economia do planeta, a produção industrial cresceu 4,8% em julho sobre o mesmo mês do ano passado. Esse é o menor ritmo mensal de crescimento desde fevereiro de 2002. Influenciada pela queda nas compras de automóveis, as vendas no varejo na China cresceram 7,6% em julho, menos que o esperado.

Na Europa, a bolsa de Londres caiu 1,42%, a de Frankfurt recuou 2,19%, e a de Paris teve retração de 2,08%. Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones, da bolsa de Nova York, caiu 3,05% nesta quarta-feira (14). Perdas nos mercados de países desenvolvidos fazem os investidores retirarem dinheiro de mercados emergentes, como o Brasil.

Wellton Máximo
Agência Brasil *
* Com informações da Deustche Welle, emissora pública de televisão da Alemanha

15.08.19 10:13

Outras Notícias:  
19.09.19 20:22 Intenção de consumo das famílias cresce 0,3% ...
19.09.19 20:12 PF indica que Fernando Bezerra e filho receb...
19.09.19 19:58 Petrobras eleva preço da gasolina em 3,5% e d...
18.09.19 19:09 Copom reduz Selic para 5,5% ao ano
17.09.19 15:39 Petrobras diz que não há previsão para reajuste de preços
17.09.19 15:23 Juros ao consumidor caem para 116,29% ao ano ...
16.09.19 11:03 Mercado financeiro espera por redução da Seli...
13.09.19 19:56 Estudo prevê crescimento dos investimentos no...
13.09.19 19:52 Atividade econômica tem queda de 0,16% em julho
13.09.19 19:48 Comércio varejista cresce 1% em julho
 
Anterior [1/1155] Próximo
Copyright © Vida Econômica - É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Power by Sistema agencianaweb.com.br